• Senilar Cuidadores

Quedas: riscos e prevenções para idosos

Atualizado: 14 de Jan de 2019

As consequências decorrentes de quedas em idosos são inúmeras. Além do próprio medo de cair, outros problemas que podem surgir são possíveis fraturas, limitação de atividades, redução na saúde e até mesmo risco de morte.



A queda em idosos é considerada uma síndrome geriátrica e pode ser causada por fatores intrínsecos e/ou extrínsecos. Ou seja, além de fatores relacionados ao processo natural do envelhecimento, tais como, idade avançada (acima de 80 anos), baixa aptidão física, fraqueza muscular de membros inferiores, diminuição de equilíbrio, entre outros, o ambiente também se torna peça-chave no risco de quedas. São exemplos desses fatores, mal iluminação, ambientes mal planejados para idosos, móveis dispostos de maneira inadequada e objetos e pisos escorregadios.


Por serem causadas pelas mais variadas situações, prevenir as quedas em idosos não é uma tarefa das mais fáceis, e é preciso que familiares, cuidadores e outros profissionais da saúde trabalhem juntos, a fim de identificar os riscos e dar suporte para a garantia de uma condição ideal no controle das quedas.


Em domicílio:

No ambiente domiciliar do idoso, algumas ações simples na organização estrutural podem minimizar muito o risco de quedas. As barras de apoio, principalmente nos banheiros, são extremamente eficazes na prevenção de quedas. Uma iluminação eficiente, bem como pisos e tapetes antiderrapantes - fitas adesivas antiderrapantes devem ser utilizadas em escadas -, tornam o ambiente ainda mais seguro e auxiliam no controle. Remova qualquer tapete identificado como escorregadio. Organize os móveis para que o caminho fique o mais livre possível.


Atividades físicas:

Aumentar a força física, melhorar a flexibilidade, a coordenação motora, a agilidade e o equilíbrio é essencial para prevenir quedas em idosos. Para isso, a prática de exercícios físicos, sempre que possível, é fundamental. É importante salientar que, para algumas atividades físicas, deve-se consultar profissionais da área.


Apesar de todos os riscos e consequências das quedas, cabe aos profissionais e familiares a atenção a esse cenário para garantir qualidade de vida aos idosos. Também vale ressaltar a importância em trabalhar a conscientização dos próprios idosos, sempre os orientando na intenção de que fiquem mais ligados e cuidadosos para que as quedas sejam evitadas.


#senilarcuidadores #cuidadoresdeidosos #cuidadores #quedasemidosos #prevenirquedas

#senilar #cuidador

PARA MAIORES INFORMAÇÕES

        (19) 3326-1346
contato@senilar.com.br

logo whatsapp.png